Dificuldades para Engravidar

Procurar um médico é a melhor solução para entender sua dificuldade de engravidar.

Artigo publicado por Juliane Freitas nas categorias: Problemas

O Milagre da Gravidez

A decisão de ter um filho, quando tomada previamente, não é das mais simples: depois de ponderar toda a vida de um casal para decidir se é, ou não, o momento certo, quando finalmente um casal concluí que é o momento de ter um filho ainda há a ansiedade de esperar para que a gravidez aconteça.

Para muitos casais a gravidez não é algo que ocorre rapidamente, no entanto. Com a ansiedade e a preocupação de não conseguir ter o esperado filho é comum que muitos se desesperem, mas a dificuldade em engravidar pode envolver vários fatores que não necessariamente tornam uma das partes totalmente infértil.Veja a seguir algumas das possíveis causas para as dificuldades de se engravidar.

dificuldades para engravidar

“Estou tentando engravidar há meses e não consigo”

O mais comum é que se tente engravidar por, pelo menos, um ano – a menos que a tentante tenha mais de 35 anos, nesse caso, seis meses já é um tempo suficiente para procurar ajuda médica, após um ano é interessante procurar um médico para diagnosticar possíveis causas temporárias de infertilidade, iniciar os tratamentos necessários ou, dependendo do caso, um processo de inseminação artificial.

Alguns dos exames que os médicos podem solicitar são exames que fazem parte da rotina da mulher, portanto, talvez a realização deles não seja necessária de acordo com o período de tempo decorrido desde o último resultado. Um desses exames recorrentes é o papanicolau, que deve ser realizado há cada seis meses pelas mulheres, pois verifica a saúde do útero e é capaz de detectar a existência de HPV, o papiloma-vírus responsável pelo câncer do cólon do útero. Os exames de sangue também podem ser solicitados para detectar alterações hormonais.

Os médicos também podem solicitar exames mais complexos, como análise do conteúdo vaginal e histereossalpinografia, ambos podem detectar a presença de alterações no útero, como doenças – a clamídia, por exemplo, pode dificultar a gravidez, ou a presença de bloqueios nos ovários ou nas trompas que impeçam o óvulo de chegar ao cólon, onde ocorre a fecundação.

gravidez-fiv

“Existe a possibilidade do problema ser no homem?”

Existe a tendência das mulheres de tomar a iniciativa de procurar um médico primeiro, mas muitas vezes, com os resultados normais dos exames, elas podem não pensar que o problema pode ser com o seu parceiro. Bons médicos, ao acompanhar casais que desejam engravidar lhes lembrarão ambas as possibilidades e solicitarão exames para ambos.

Entre os exames iniciais mais frequentes que podem ser solicitados aos homens estão o espermograma, que mede a quantidade produzida de espermas, e os exames de urina ou sangue para detectar a clamídia.

E depois?

Se não for detectado o motivo da dificuldade para engravidar logo nos exames iniciais, o médico deverão fazer uma investigação mais profunda, analisando históricos familiares e levando o casal a uma bateria de exames. Com a identificação do problema, posteriormente, serão oferecidos os tratamentos que melhor atendam à situação do casal, incluindo a fertilização artificial, se necessário.

Apesar de todo esse caminho, é importante que inicialmente o casal fique calmo, pois muitos dos motivos que atrasam uma fecundação são temporários e tem tratamento.

Comente!




*Campos obrigatórios

Os artigos desse site contém informações baseadas em pesquisas, estudos, consultas, experiências pessoais e livros. Deve-se sempre consultar um médico antes de tomar qualquer medida.